sábado, 29 de junho de 2013

***Estou de Volta***

"Infelizmente,estou de volta...Depois de tanto tempo estou de volta,a minha última publicação foi no dia 20 de novembro de 2011,quase dois depois volto a escrever,são tantas mudanças,tantas coisas aconteceram na minha vida,vamos começar contando o que aconteceu comigo depois daquela publicação,me tornei evangélica no mesmo dia que eu publiquei aquele vídeo,parece brincadeira,mas é sério me converti numa estação de trem,especificamente na estação brooklin,mas não vou entrar em detalhes,mas só posso dizer que quando Deus quer ninguém pode mudar o que Deus determinou,hoje estou na igreja Paz e Vida,em novembro do mesmo ano o meu sogro morreu por causa de complicações numa cirurgia de hérnia,a síndrome do pânico voltou e estou a quase dois anos sem acompanhar a minha mãe no médico,estou com acompanhamento de uma psicóloga,o médico da minha mãe não é mais o doutor Marcelo e agora é o Allan,como falei,não conheço ele,não posso falar nada sobre a forma dele tratar a minha mãe,mas a minha mãe gostou,disse que ele é bonito,simpático,deu até um beijinho no rosto dela huuuummm,acho que ele é bem assanhadinho isso,sim...rsrsrsrsrsrs
ah,e outra coisa que eu havia me esquecido,a minha mãe fez a mastectomia total na mama direita por precaução para o câncer não voltar em novembro de 2012,a minha cachorrinha de 16 anos morreu no mesmo mês que ela fez a cirurgia,foram muitas perdas em tão pouco tempo,por isso que a minha psicóloga fala que eu sou a prova de que Deus existe,porque só Ele para conservar a minha sanidade mental como ela está conservada depois de tantas coisas que aconteceram na minha vida,mas hoje recebi outro tombo da vida,como eu havia dito,a minha mãe mudou de médico e com isso mudou a medicação e com isso voltou o cansaço no pulmão,então o médico achou melhor voltar a quimio,porque ela acha que ela fez muito poucas sessões de quimio,mas graças a Deus,ele disse que o câncer não espalhou para outros órgãos e nem aumentou,só por precaução,mas mesmo assim a gente fica triste,parece que agora eu tô como cristal,qualquer movimento brusco eu me quebro...Parece que tudo agora é pior,eu ainda não me sinto pronta para acompanhar ela nas consultas e ela também tá tão frágil,tá triste porque os cabelos vão cair de novo,tá triste porque não consegue fazer as coisas em casa...Parece que agora eu não tenho força para confortar ela,porque eu quero ser confortada,mas não tenho ninguém para me confortar,só queria um abraço,um abraço sem palavras,sem cobranças,sem dizer que eu estou sendo fraca,realmente a única pessoa que me entende é Deus,só Ele sabe o quanto tá doendo,o quanto tá difícil...Mas Ele vai me sustentar,com certeza Ele vai me sustentar..."


Nenhum comentário:

Postar um comentário